Exu, Caboclos e festa das crianças garantem fé e homenagens das religiões de matriz africana no Rio de Janeiro

Exu Foto: reprodução internet

A programação deste fim de semana, das casas de axé do estado do Rio de Janeiro, atende a todas as vertentes das religiões de matriz africana.

No sábado, dia 26, a partir das 14h, o dia dos pequenos vai ser festejado de uma forma bem especial no Centro Espírita Cabana do Caboclo Rompe Mato. A casa fica na Rua Gavião Peixoto, em Araruama, no interior. Todas informações no e-mail: clemente55@Gamail.com ou telefone: (21) 97257-5417.

De noite, são duas opções para quem deseja reverenciar Exu, às 19h, tem gira no Ilê Adura Obaluaê Ajubero, que fica na Avenida Santa Cruz, no bairro Santíssimo, na Zona Oeste. Já a partir das 20h, a homenagem será para Exu Tiriri, na Tenda Espírita Frei Antônio de Pádua, localizada na Rua Engenheiro Francisco Passos, na Penha, na Zona Norte.

Ainda no sábado tem Kuiá La Wunji,  com início às 18h, na Avenida das Américas, em Campo Grande. Já no domingo, os eventos iniciam mais cedo, sendo que a partir de 10h, tem o Dlozán em homenagem ao Vodún Sogbo, no Xwé Dzidúfé Fé Vodún Dú Dzikédz, no Caminho do bambu amarelo, em Bangu.

Mais tarde, será a vez da gira mensal da Tenda Espírita Vovó Catarina do Congo. O encontro começa às 15h, na Rua Vila Aurora, s/n, em Curicica, Jacarepaguá, na Zona Oeste.

Uma hora mais tarde, a partir das 16h, o Dote Markinho Ty Jagun realiza a homenagem aos Caboclos, na Rua Bolívia, também no bairro Santíssimo.