16 de agosto: Dia de Obaluaê estica festejos para o fim de semana, em homenagem ao Orixá

Obaluaê Foto: reprodução internet

O mês de agosto, nas religiões de matriz africana, é dedicado ao considerado senhor das doenças, dos mortos e regente dos cemitérios, além de orixá da renovação dos espíritos. O dia 16, mais precisamente, é comemorado como a data para se reverenciar a divindade.

A ferramenta, chamada de Xaxará é feita de palha do dendezeiro, búzios e contas, sendo que os religiosos acreditam que através desse cetro de mão, Obaluaê consegue varrer as impurezas e todos os males.  Na sua festa anual, o Olubajé, as comidas são servidas na folha de mamona.

No sincretismo religioso, ele que também é chamado de Omulu, representa os santos São Roque e São Lázaro para a Igreja Católica. Por isso, entre a lista de eventos desse fim de semana está a quinta procissão promovida pelo Centro Espírita Omolu Pai João, em louvor aos dois santos.

A caminhada terá saída às 10h deste domingo, da Rua Sandra, no Parque Jordão, em Belford Roxo, na região metropolitana do Rio de Janeiro. Na oportunidade, quem participar vai poder colaborar com a corrente contra a intolerância religiosa, além de aproveitar as barracas de comida típica, danças e a música do DJ Eduardo.

No mesmo dia, um pouco mais tarde, a partir das 15h, será a vez da gira em louvor ao Orixá, na Tenda Espírita Catarina do Congo, na Vila Aurora, em Curicica, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

 

Outros eventos no fim de semana 

 

SÁBADO, 17.08

Gira no Terreiro Ogum Mege, na Rua Edno Machado, no bairro de Oswaldo Cruz, às 17h. Informações no telefone: 97446-9385.

Saída do Iaô Jorge de XangÔ de Baru, às 17h30, na Rua Carajás, em Vila Cosmos.

Obrigação de 14 anos da Yalorixá Ethy de Yemanjá e reabertura do seu axé, às 17h, na Tenda Espírita Caboclo Sete Estrela da Jurema. A casa fica na Rua Milton, em São João do Meriti. Informações 99911-8518.

DOMINGO, 18.08

Festa de louvor para 7 encruzilhadas, a partir das 13h, na Casa de Caridade de Xangô que fica na Estrada do Morro Grande, em Araruama, no interior do estado.