Sossego fará enredo de 2019 sobre intolerância religiosa

A escola de samba niteroiense, da Série A, Acadêmicos do Sossego, anunciou ontem em sua fanpage, o enredo para 2019, de tema “Não se meta com minha fé, acredito em quem quiser”.

Sob o comando do carnavalesco Leandro Valente, que já passou pela Porto da Pedra, de São Gonçalo, a Tradição, da capital, em Madureira, entre outras, a agremiação promete um apelo contra a discriminação de crenças.

“Nestes tempos sombrios, o Acadêmicos do Sossego levará para a avenida sua mensagem contra a intolerância religiosa e um apelo para que nosso país volte a ser uma nação acolhedora de todas as crenças e para que o mundo jamais volte a matar em nome de Deus”, diz um trecho do comunicado.

Para trazer á Marquês de Sapucaí um tom mais crítico ainda, o protagonista da performance da escola será Jesus Malverde,também conhecido como o “bom bandido”, “anjo dos pobres”, ou o “narco-santo”, herói folclórico do estado mexicano de Sinaloa.

Ele é celebrado como um santo popular por alguns, no México e nos Estados Unidos, especialmente entre os envolvidos no tráfico de drogas.

“Sob as bençãos de Jesus Malverde, cujos fiéis são tão injustamente criticados por manterem sua devoção, a escola mostrará que uma das grandes belezas da humanidade está na diversidade das suas religiões, nas diferentes formas de se comunicar com o divino, e também de se calar e nele não acreditar. Crentes ou ateus, nosso sangue tem a mesma cor, e navegamos juntos nesse barco que é a nossa Terra. A violência e a divisão nos destrói, mas a união e paz nos reconstrói. Axé para quem é de axé, amém para quem é de amém! Shalom! Salaam Aleikun!”, termina o texto.