Para acalentar os mais necessitados na espiritualidade e na vida terrena

Casa de Umbanda promove doações de roupa e alimentos para quem precisa. Foto: Reprodução da Internet

Para realizar a caridade, não é preciso dispor de avançados recursos,  já que a vontade de ajudar o próximo ultrapassa qualquer dificuldade que possa se instalar. Muitas casas de Umbanda, apesar de todos os obstáculos, cumprem muito bem aquele que é um dos principais ideais da religião. E é dessa maneira que a Tenda Espírita Caboclo Pena Dourada, em Mesquita, na Baixada Fluminense, segue adiante prestando auxílio aos mais necessitados.

A casa é comandada há dez anos por Claudia Valeria Miraglia que, de uma forma modesta, tenta amenizar a vida de pessoas que enfrentam dificuldades e carecem de recursos básicos como roupas e alimentos.

“A gente realiza dentro do possível. A casa não conta com muitos médiuns. Procuramos fazer o que está dentro de nossa possibilidade naquele momento”, conta a dona de casa que é adepta da religião há 35 anos.

Apesar das dificuldades, a Yalorixá e seus filhos de santo seguem firme no propósito, levando sempre um pouco de esperança para os irmãos carentes de recursos básicos.

“Entre os itens que doamos, a maioria são roupas e alimentos, mas aceitamos outras formas de doação também”,  conta a dirigente que sempre que possível realiza ações em datas pontuais como Cosme e Damião, e Dia das crianças.

A casa conta com 23 médiuns e as doações são distribuídas de acordo com a quantidade disponível. A sacerdotisa afirma que,  futuramente, a casa pretende criar projetos sociais maiores e prestar auxílio a instituições como casas de saúde e orfanatos.

“Apesar das dificuldades que encontramos hoje, temos  sim o interesse de no futuro ampliar os projetos sociais da casa e oferecer auxílio a algumas instituições. Se estiver dentro de nossas possibilidades, certamente faremos”, conta.

A médium se sente grata por todos os ensinamentos que recebeu durante a  sua trajetória na Umbanda, onde desde muito cedo aprendeu a importância da prática da caridade na vida daquele que necessita de um auxílio.

“Graças a Deus, antes de me tornar Mãe de Santo, durante toda a minha trajetória na Umbanda tive ótimos ensinamentos. Aprendi desde muito cedo a importância que a prática da caridade”,  relembra.

Donativos como roupas e alimentos  são recebidos diretamente na casa que fica Rua Antônio Rodrigues de Oliveira, 131, Mesquita – Centro – RJ.

*Estagiário de Redação supervisionado pela jornalista Íris Marini.